Pular para o conteúdo

Despertar espiritual: estágios + principais sinais

Despertar espiritual

Passar por um despertar espiritual é uma das experiências mais confusas, solitárias, alienantes, mas também extremamente belas da vida.

Simplificando, o despertar espiritual marca o início da sua iniciação no caminho espiritual. Sem experimentar um despertar espiritual, passamos a vida inteira perseguindo o vazio do dinheiro, da fama, do poder e do respeito na tentativa de encontrar a “felicidade”.

O que é perturbador e igualmente belo sobre o despertar espiritual é que ele ocorre nos momentos menos esperados. Não há como planejar para eles. Eles entram em sua vida e agitam tudo como tornados. Mas a dádiva oculta profundamente neles é que eles ocorrem exatamente no momento em que você mais precisa deles.

Se você experimentou um despertar espiritual, você conseguiu ver através das mentiras e ilusões deste mundo. No fundo da sua alma, você percebe que nada externo jamais lhe trouxe e poderá lhe trazer a verdadeira felicidade ou realização. Essa compreensão profunda faz com que você deseje algo mais rico, mais gratificante e que te faça se sentir completo novamente.

O que é um despertar espiritual?

Quando passamos por um despertar espiritual, começamos a questionar nossas antigas crenças, hábitos e condicionamento social, e vemos que há muito mais na vida, e em nós mesmos, do que aquilo que nos foi ensinado.

No despertar espiritual você pode desejar descobrir quem ou o que você realmente é, bem como qual é o significado da sua vida e se existe um “estado superior” de ser. A busca por Deus, ou pelo Divino, é um desejo comum durante esta experiência.

Por que o despertar espiritual acontece?

O despertar espiritual acontece como um produto natural da evolução, expansão e amadurecimento da sua Alma.

Embora o processo de despertar espiritual possa parecer doloroso e perturbador no início, ele ajuda você a romper a ilusão e a descobrir quem você realmente é.

A sensação de que sua vida não faz mais sentido é o desligamento de todas as suas antigas crenças, desejos e paradigmas que estão sendo desafiados e muitas vezes refutados. Isso é traumático para alguns, mas é uma parte necessária da expansão.

O que desencadeia o processo de despertar espiritual?

O despertar espiritual pode acontecer a qualquer momento ou período da sua vida. Eles podem ser espontâneos, mas também podem ser desencadeados por grandes mudanças na vida, doenças, tragédias e traumas, como doenças potencialmente fatais, acidentes, divórcios, crises de meia-idade e muito mais.

O despertar também pode acontecer devido ao seu temperamento. Por exemplo, você pode ser uma pessoa naturalmente contemplativa ou alguém que desde muito nova buscou por um sentido maior em sua existência.

De modo geral, o processo de despertar espiritual acontece em conjunto com uma experiência conhecida como A Noite Escura da Alma.

A Noite Escura da Alma é um período da vida em que nos sentimos completamente isolados de Deus ou do Divino. Quanto mais consciente você se torna de sua desconexão com o Divino, mais chances você tem de vivenciar uma Noite Escura da Alma.

Passar por uma Noite Escura da Alma está profundamente ligado ao processo de despertar espiritual. Antes de ver a luz (ou seja, despertar espiritualmente) devemos “caminhar pelo vale da sombra da morte” a fim de preparar nossas mentes e corações para a expansão da consciência.

7 estágios do despertar espiritual

O processo de despertar espiritual é complexo, multifacetado e diferente para cada pessoa. Na realidade, não pode ser enquadrado em categorias claras.

No entanto, dito isso,  é  útil ter uma espécie de “mapa” para localizar onde você está agora. As etapas seguintes são gerais. Eles definem o fluxo geral do processo de despertar espiritual:

Estágio 1 – Infelicidade, desânimo e sentimento de perda

Nesta fase, você vivencia a já mencionada Noite escura da Alma. Este é um momento de confusão, desconexão, alienação, depressão e grande infelicidade com a vida. Você está procurando por algo, mas não sabe bem o quê. Há um grande vazio iminente dentro de você. Esta fase surge espontaneamente ou devido a uma crise de vida.

Etapa 2 – Mudança de perspectivas

Você começa a perceber a realidade de uma maneira totalmente diferente. Nesta fase, você começa a enxergar através das mentiras e ilusões propagadas pela sociedade. Você se sente infeliz com a vida, perturbado pelo sofrimento que vê e sem esperança diante dos males do mundo. Você não vê mais a vida como antes em seu estado anterior de inconsciência.

Etapa 3 – Buscando respostas e significado

Nesta fase, você está fazendo todas as perguntas profundas. Você está em busca de quem você realmente é, do seu destino espiritual e do sentido da própria vida. Você começará a se envolver em diferentes campos metafísicos, de autoajuda e esotéricos em busca de respostas e da verdade. Seu foco está em iniciar sua busca espiritual.

Etapa 4 – Encontrando respostas e experimentando avanços

Depois de muito exame de consciência, você encontrará alguns professores, práticas ou sistemas de crenças que aliviam seu sofrimento existencial. (Cuidado: muitos desvios espirituais podem ocorrer neste estágio.) Você sentirá uma sensação de expansão à medida que velhos padrões se dissolvem e sua Verdadeira Natureza começa a surgir. Este é um momento de alegria, esperança, conexão e admiração.

Estágio 5 – Desilusão e sentimento de perda novamente

Neste estágio, você fica entediado e cansado de seus professores ou práticas espirituais. Você pode ficar desiludido com a falsa besteira espiritual que existe por aí e desejar algo mais profundo. Você pode até ter experimentado longos períodos de conexão com o Divino, apenas para ficar aparentemente separado novamente (isso é normal). Compreensivelmente, você se sentirá perturbado e profundamente chateado com essa experiência. Além disso, embora você possa ter experimentado muitos avanços mentais/emocionais/espirituais, eles podem parecer superficiais. A infelicidade e a estagnação que você sente irão motivá-lo a buscar mais.

Estágio 6 – Trabalho interior mais profundo e trabalho da alma

Neste estágio, você não está mais interessado em se envolver em filosofias espirituais de bem-estar ou práticas superficiais. Você se voltará para seu desenvolvimento pessoal, bem provável que após tantas decepções, você terá mais sensatez e sabedoria ao escolher qual filosofia de vida te cabe. Você vai ter preferencia por evoluir moralmente ao invés de ter experiencias espirituais – claro que uma coisa não anula outra.

Etapa 7 – Integração, expansão, alegria

Neste estágio, você experimentará as mudanças mais profundas e duradouras no seu íntimo. Lembre-se de que a iluminação, ou plena autorrealização, nunca é garantida: podemos nos esforçar para alcançar, mas é um presente da Vida. No entanto, profunda paz, amor e alegria emergem e são sentidos nesta fase. Você pode se sentir pronto para ser algum tipo de ajudante espiritual e transmitir sua visão a outras pessoas. A vida se tornará menos sobre você e mais sobre nós. Você pode passar por uma mudança energética de consciência e começar a experimentar a vida de um ponto de vista “menos preto no branco”. Acima de tudo, você se sentirá conectado, em paz consigo mesmo e profundamente alinhado com a vida.

Nota: é comum alternar entre esses estágios do despertar espiritual. Lembre-se de que este não é um processo linear – você não pode simplesmente passar de A para B e para C. Este é um caminho complexo e confuso, então está perfeitamente bem se não se parecer com o que descrevi. Seu processo de despertar espiritual é exclusivo para você. Mas espero que esta análise tenha ajudado (de alguma forma) você a ‘se orientar’.

23 Sinais e Sintomas do Despertar Espiritual

Despertar espiritual

Existem muitos sintomas do despertar espiritual. Na verdade, os sintomas do despertar espiritual não são apenas emocionais, mas também psicológicos e até físicos. Aqui estão vinte e três dos sintomas mais comuns que existem. Veja com quantos você se identifica:

1. Você sente que sua vida é falsa

Tudo em que você acreditou, construiu e trabalhou parece falso. Sua vida não parece ser sua. Você não se sente mais você mesmo – quase tudo que você gostava não lhe traz mais significado ou satisfação.

2. Você anseia por significado e propósito

Você deseja encontrar profundamente o significado de sua vida. Você não tem ideia de qual é o seu propósito, mas deseja encontrar desesperadamente. Há uma sensação de que algo está “faltando” dentro de você.

3. Você começa a fazer perguntas profundas

Perguntas como “Quem sou eu?” “Qual é o propósito da vida?” “O que acontece depois que morremos?” “Por que as pessoas sofrem?” podem surgir. Você começa a pensar mais filosoficamente. Esses pensamentos profundos podem te perturbar, pois você não sabe as respostas.

4. Você percebe que muito do que lhe ensinaram é mentira

Você começa a ver quantas crenças, sentimentos e valores não são realmente seus, mas de outras pessoas ou herdados de sua cultura. Você está crescendo em autoconsciência.

5. Você se sente completamente perdido e sozinho

Nada em sua vida parece mais fazer sentido. Você se sente como se estivesse vagando por um deserto sem fim. Você se sente completamente sozinho e isolado das pessoas. Você luta para se relacionar com aqueles de quem já foi próximo (ou seja, seus amigos, colegas de trabalho e familiares).

6. Você vê através das ilusões da sociedade

Materialismo, sucesso e lucro não significam mais nada para você. Você começa a se sentir como se fosse uma engrenagem da máquina da sociedade, um fantoche do sistema.

7. Você vê como a maioria das pessoas é infeliz

Você desperta para a infelicidade e o sofrimento dos outros. Você pode começar a explorar o ativismo ou ler mais sobre a condição humana. É atormentador para você perceber quanta dor existe no mundo.

8. Você quer ‘purificar’ sua vida

Você está cansado de se sentir perdido, deprimido e sem esperança. De repente, você sente necessidade de simplificar e organizar sua vida. Isso pode significar cortar laços com pessoas tóxicas, reavaliar seus hábitos, doar coisas velhas, mudar de emprego, mudar de casa ou cidade.

9. Você começa a sentir profunda empatia e compaixão

À medida que você começa a prestar mais atenção às muitas dificuldades enfrentadas pela humanidade e pela natureza, você desenvolve mais compaixão. Sua empatia é despertada e você pode achar difícil lidar com a intensidade de seus sentimentos. Este é um ponto crucial na sua transformação interior: ou você entorpece a dor que sente com os vícios ou encontra maneiras saudáveis ​​de aceitar e expressar suas emoções.

10. Você deseja ficar sozinho

Você anseia por solidão . Embora antes você fosse extrovertido, agora você experimenta o lado introvertido de sua natureza. Você passa muito tempo sozinho refletindo e aproveitando o silêncio. A todo custo, você tenta reduzir o contato social.

11. As conversas parecem superficiais

Quando você conversa com as pessoas, você sente uma aguda sensação de distanceamento. Nas conversas, você se sente inquieto e irritado com conversa fiada. Você pode se tornar um lobo solitário ou um espírito livre rebelde .

12. Você quer largar seu emprego

Mesmo que você tenha trabalhado durante anos para obter seu diploma, estabelecer sua carreira e subir na hierarquia, você não sente nada além de um vazio. Seu trabalho não lhe proporciona mais a sensação de realização de que você precisa. Você deseja desesperadamente por mais.

13. Você tem sede de autenticidade e verdade

Ser fiel a si mesmo torna-se prioridade máxima. Você odeia fingir e colocar as máscaras velhas que costumava usar. Você quer ser completamente autêntico.

14. Você toma consciência de seus antigos hábitos negativos

Você está consciente de suas falhas e hábitos destrutivos. Dentro de você surge um forte desejo de começar de novo.

15. Você sente ansiedade e/ou depressão

Você pode passar por crises profundas de depressão existencial ou ansiedade persistente. O choque de mergulhar no despertar deixa você se sentindo instável. A incerteza e o medo seguem você por toda parte.

16. Você fica mais sensível

Tudo impacta mais você. Você sente a energia dos outros com mais força, a dor dos seus entes queridos com mais intensidade e as dificuldades da vida mais profundas do que nunca. Você começa a se sentir mais à vontade no mundo natural (natural).

17. Você quer tornar o mundo um lugar melhor

Você começa a pensar no ‘quadro geral’. Esse desejo de causar um impacto real se traduz em ajudar ativamente os outros ou em encontrar um propósito de vida que se alinhe com esse desejo.

18. Você deseja profundamente entender quem você é

Surgem inúmeras perguntas sobre sua identidade e sua vida, por exemplo: “Quem sou eu?” “Por que eu nasci?” “O que estou aqui para fazer?” “Qual é o propósito da minha existência?”.

19. Sua intuição está aguçada

Gradualmente, você começa a ouvir a voz mansa e delicada dentro de você. Você permite que ele guie suas decisões e pode se tornar mais receptivo às mensagens de sua mente inconsciente por meio de sonhos, sensações físicas e práticas como registro em diário ou meditação. Eventualmente, você começa a descobrir seus dons e talentos ocultos, aprendendo a confiar em sua intuição .

20. Mais sincronicidade

Você começa a se tornar consciente dos muitos sinais e presságios que a vida traz para você. A vida se torna muito mais receptiva e interativa com você. As “coincidências” e o déjà vu aumentam. Você pode até passar por inúmeras experiências místicas.

21. Você sente mais admiração, amor e curiosidade

As menores coisas começam a lhe trazer alegria e felicidade: uma folha caindo, uma teia de aranha, o riso de uma criança, uma poça. A vida não é mais ignorada – ela é vista como mágica, incrível e bela. À medida que as barreiras do ego se rompem, você começa a amar outras pessoas sem expectativas ou condições. Você perde o interesse pelo drama, pelo conflito e por qualquer coisa que perpetue o ódio.

22. Você tem vislumbres de sua verdadeira natureza

Quanto mais fundo você se volta para dentro, mais começa a descobrir que quem você realmente é vai além de todo pensamento, crença, ideia, memória ou construção mental. À medida que as camadas do ego e os bloqueios que obscurecem a sua Luz interior começam a se dissolver na luz da consciência, vocês começam a vislumbrar a sua verdadeira natureza eterna. Sair do ego pessoal e testemunhar a vida a partir da sede da Consciência Divina é conhecido como morte do ego , autorrealização ou iluminação – e tal experiência pode ser temporária ou permanente.

23. Você vê que somos todos Um

À medida que o seu processo de despertar amadurece e amadurece, você começa a integrar a compreensão de que quem você realmente é está sempre e já aqui como Espírito, Consciência ou a Própria Vida. Você vê que somos todos Um, somos todos expressões da mesma Fonte Divina e que nunca estivemos separados desta realidade (a mente apenas acreditou que fosse esse o caso).

Quanto tempo dura um despertar espiritual?

Diz-se que o processo de despertar espiritual é uma jornada que dura a vida toda – uma vez que começa, nunca termina. Porém, a intensidade do despertar varia e muitas vezes passamos por períodos de silêncio e calma, seguidos de períodos caóticos e intensos de mudança.

É importante honrarmos esse fluxo e refluxo da transformação, vendo-o como uma jornada vibrante e sempre fluida, e não como um destino estático e único.

O que fazer depois de um despertar espiritual?

Depois de passar por um despertar espiritual, é importante que você explore todos os diferentes caminhos espirituais disponíveis para você. Siga seu coração e seus instintos e escolha um caminho que atenda às suas necessidades mais profundas. Também é crucial praticar alguma forma de trabalho interior enquanto percorre seu próprio caminho para garantir que você esteja evoluindo, mantendo os pés no chão e curando feridas internas que podem sabotar seu progresso. ✨🦋

Leia também:

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *